segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Olhos que ardem

Um papo de metrô um tanto inusitado...

Duas senhoras conversando sentadas dentro do trem do metrô, relatando como foi a consulta ao oftalmo:

Senhora 1: - O doutô não resolveu meu problema nas vistas...
Senhora 2: Por que?... Você não contou tudo a ele? Não passou remédio?!
Senhora1: Ele passou  e sempre passa a mesma coisa... Eu contei a ele, que minhas vistas ficavam muito ressecadas e vermelha.. só de piscá doía... Mas ai eu contei que outro dia fui ver um filme com minha neta, e ai eu me emocionei, e quando meus olhos encheram dágua,... e a lágrima caiu... meus olhos arderam muito!!! Nossa.. achei que ia perder a visão de tanto que ardeu...

A senhora 2 ficou em silêncio quando disse:

Senhora 2: Então amiga... o que você tem que fazer é chorar mais... porque o coração amoleceu, a alma tocou, e a lágrima caiu..e o olho se curou.

observação: ainda ouve uma explicação da senhora 2 que quando estamos muito salgados por dentro, a lágrima sai amarga... então nem os olhos aguentam. Chore mais até ela ficar doce... ai seus olhos param de doer...

Coisas da vida...


Agradeço pela contribuição da foto do meu amigo Rafael Cinoto


3 comentários:

Rafael Cinoto disse...

Muito bom Camis!!! Que idade você dá pra esse olho aí?

Éder dos Santos disse...

Entre 20 e 40 anos, nunca erro.

ps: velhinhas são sempre massa.

Camis disse...

Rsrsrsrsrs... Quer mesmo que fale Cinotis !!! Cada linha de expressão vale 10 anos... agora é só contar rsrsrsrss!!!

Postar um comentário